Produção de Lost volta ao trabalho

Passados 13 dias da greve, a ameaça de só vermos metade da 4ª temporada continua, e mesmo fazendo parte do sindicato dos roteiristas, o produtor executivo Carlton Cuse (também membro do comitê de negociação da greve) decidiu voltar ao trabalho para fazer a pós-produção dos 8 episódios já prontos. “Sentimos que devemos isso aos fãs”, disse ele ao jornal New York Times acrescentando ainda que, “Prejudicaríamos nossa série se nós mesmos não fizessemos o trabalho”. Que bom que ele pensa assim, né? Agora só falta a greve acabar, o que pode acontecer no dia 26 de novembro, data em que o sindicato dos roteiristas (WGA) e a associação dos estúdios de filme e tv (AMTP) vai se reunir para uma negociação formal. Não sou expert no assunto mas creio que se um acordo não for feito nessa data, o risco de termos que nos contentar com os 8 episódios é grande já que dificilmente ocorreria uma nova reunião ainda esse ano, portanto mais do que nunca a alternativa que nos resta é cruzar bem os dedos.

Por Davi Garcia

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Envie seu comentário!
Escreva seu nome aqui