Produtores de Lost no lançamento de nova série de bonecos dos personagens da série


J.J. Abrams, Damon Lindelof e Carlton Cuse

Já pensou entrar numa loja de revistas em quadrinhos e toy art e dar de cara com o trio J.J. Abrams, Damon Lindelof e Carlton Cuse? Pois foi exatamente isso que vários fãs de Lost tiveram a sorte de experimentar no último dia 19 de novembro quando ocorreu na Meltdown Comics em Los Angeles, o lançamento de uma nova série de bonecos da MediCom Toy, empresa japonesa dona da marca Kubrick Toys.

A nova série lembra muito os famosos LEGOS e nessa primeira leva foram disponibilizados bonecos do Sawyer, Hurley, Charlie, Jack, Locke, Sayid, Kate e em breve haverão de Desmond, Jin e Ben.

Além de J.J. Abrams e da dupla Damond Lindelof (usando uma camiseta do Flash igual a do Sheldon de The Big Bang Theory) e Carton Cuse, também estiveram presentes autografando e tirando fotos com os fãs os roteiristas e também produtores da série Adam Horowitz, Brian K. Vaughan, Bryan Burk, Edward Kitsis, Elizabeth Sarnoff e Jack Bender. O lançamento da série de bonecos Kubrick, marcou ainda uma exposição de vários objetos usados na série como a roupa Dharma, os itens vistos no interior da escotilha Cisne e muito mais. Além disso, estava exposto por lá o Be@rbrick autografado por todo o elenco e produtores, que será leiloado em prol do Fundo de Defesa à Criança (The Children’s Defense Fund). Clique abaixo para conferir algumas imagens disponibilizadas pelo site LA Week.

VEJA AS IMAGENS

    Os fãs chegam para o lançamento.


    E aí, qual desses mais te agrada?

    Lindelof, Cuse e Kitsis botando o papo em dia.
    Poker com fichas Dharma. Será que dá sorte?

    Molho Ranch: o preferido de Hurley


    O Be@rbrick autografado que será leiloado

    Na entrada um aviso de que o evento seria gravado para aparecer como material extra do DVD da 5ª temporada.


    Cara de sorte, o fã acima levou para casa um baguá Dharma autografado pelos produtores e roteiristas. Santa inveja, não?

15 COMENTÁRIOS

  1. O boneco da Katie ficou parecendo um homem! horrível!

    Mas eu to preocupado com essa história da ilha ter voltado no tempo. Seria um paradoxo sem precedentes que os produtores tanto disseram querer evitar.

    A ilha sumiu do futuro e teria ido para o passado, assim como o carro do filme De Volta para o Futuro. Mas e a ilha do passado??? Seria como alguém ir para o passado e cruzar com o “eu” do passado, só que nesse caso é uma ilha!

    Outra hipótese: Vamos supor que a ilha se deslocou do passado para o futuro e, agora, voltou para o passado. Como eles iriam encontrar o pessoal da Dharma, interagir com eles, se a ilha funciona como uma “máquina do tempo” que se desloca nele??? Se a ilha for “uma só”, não tem como eles encontrarem alguém que já morreu.

    Não faz sentido em nenhum dos 2 jeitos. Alguém tem uma teoria de como isso seria possível sem fazer uma tremenda lambança????

DEIXE UMA RESPOSTA

Envie seu comentário!
Escreva seu nome aqui