03/07/2007

Lost indicado ao Teen Choice Awards

O fãs ansiosos assim como os produtores de Lost podem esquecer a premiação do Emmy por enquanto. Lost foi indicada nas categorias principais do Teen Choice Awards 2007 cujo troféu é algo que o elenco e equipe de Lost poderiam realmente usar, uma genuína prancha de surf. Enquanto tanto elenco quanto equipe da série esperam para descobrir se irão ou não vingar-se da infame esnobada dada pelo Emmy à 2ª temporada da série, o voto do público foi liberado na premiação que é exibida pela Fox americana e que aceita votos só de adolescentes.

Dentre as indicações estão Melho série de Drama, Melhor Ator de Drama para Matthew Fox, Melhor Atriz de Drama para Evangeline Lilly, Jorge Garcia na categoria TV Sidekick (algo como personagem mais carismático, companheiro etc), e por último Michael Emerson indicado com seu Benjamin Linus.

Um fator que pode atrapalhar Lost na disputa é sua acessibilidade ao público alvo. A maior parte dos concorrentes de Lost é exibida entre 20 e 21 h. Foi sugerido que a maior parte da audiência perdida com a mudança de exibição da série para as 22 h era constituída pela parte mais jovem de seu público. Por outro lado, a audiência jovem pode ser dominante entre o público que acompanha a série online, um grupo que a indústria da televisão ainda luta para entender.

Em edições anteriores do Teen Choice Awards, Lost foi superada por séries como The OC. Os fãs de Lost mais obcecados com os aspectos cerebrais da série podem pensar que essa competição diz pouco sobre o valor da série. De fato, ela pode dizer mais qual é a média de idade que está mais satisfeita com as recentes mudanças na direção da série.

As várias melhorias na fórmula e na apresentação de Lost motivaram os fãs que ainda sentem a esnobada do Emmy em 2006. Dentre os fãs as razões vão desde um processo de indicações suspeito à explicações de que a temporada simplesmente falhou. Com elogios universais rodeando a terceira temporada, os criadores da série e os fãs vêem a premiação como a validação disso tudo.

É claro que dentre os fãs mais radicais há um grande número dedicado à série independente de elogios externos. Para eles, o fato de que a série começa a perder o apelo é apenas mais uma prova de que ela continua arrasadora. No fim, quer Lost fature ou não a prancha do teen Choice ou o Emmy, sua história já está comprada e paga para terminar em 2010, independente de que as premiações dêem o ar da graça.

Por Jon Lachonis para o BuddyTV

Nenhum comentário: