02/05/2007

Uma coisa de cada vez

ATENÇÃO! O texto abaixo contém SPOILERS.

.
.
.

Texto original por Robert Bianco para o USA Today
Tradução e adaptação por Davi Garcia


A busca por redenção segue muitos caminhos.

Para as almas perdidas em Lost, esforços de salvação vairam de pequenos atos de bondade que promovem o perdão a súbitos atos de violência que prometem a liberdade. Para a série em si, a redenção consiste de uma sequência de sólidos, e algumas vezes soberbos episódios que firmemente recolocaram Lost no topo da TV em qualidade, se não em popularidade.

Essa escalada rumo ao topo continua hoje à noite com um excelente episódio focado em Locke (Terry O’Quinn) e Sawyer (Josh Holloway). Se Locke parece ter perdido o rumo com sua fé ficando em dúvida, Sawyer começou a encontrar seu lugar na comunidade do acampamento da praia.

Agora suas jornadas se cruzam, à medida que Locke deixa os Outros para buscar a ajuda de Sawyer. O que ele quer de Sawyer e porque ele pensa que Sawyer vai concordar é algo melhor ser deixado para que os telespectadores descubram. Mas uma coisa pode ser dita, o que acontece leva a série a um dos ‘passeios’ mais sombrios e moralmente complexos até então explorados, algo que poucas séries teriam coragem de tentar fazer.

E já que muitos parecem ter ficado fixados em um único ponto, este episódio responde uma importante questão da 1ª temporada, bem como dá uma pontencial resposta à mais importante das questões. Lembre-se contudo, que as respostas não são necessariamente universais ou verdade.

Progresso também é feito em outras frentes com a série aproximando-se do final da temporada e vemos as fraturas do acampamento da praia sendo exploradas. Jack descobre um doloroso segredo enquanto revela ter um próprio. E a misteriosa paraquedista repete a informação bombástica do último episódio, a mensagem de que os destroços do vôo 815 foram encontrados e que todos à bordo estavam mortos.

As boas notícias para os fãs é que os produtores parecem ter se dado conta que a série tem que ser acessível o bastante para manter a massa de audiência envolvida e tem que focar nos personagens que a audiência quer ver. Isso significa atenção no acampamento da praia e distância dos Outros. Mas isso também significa que a história vai durar enquanto a série durar, uma verdade simples da tv que parece ter escapado de alguns dos fãs mais radicais ansiosos por respostas.

Ainda assim, é bem claro que eles ouviram a audiência. E como acontece de vez em quando, eles colocam no adorável e divertido Hurley feito por Jorge Garcia as preocupações da audiência. Com Sayid consertando o recente descoberto transmissor, Hurley o pergunta, “E a outra parte? A parte em que eles encontraram um avião e todos estavamos mortos?” “Uma coisa de cada vez”, responde Sayid.

E quando essa “uma coisa” nos leva a um episódio tão bom como esse, por que abandonaríamos o caminho agora?

3 comentários:

Carolina disse...

Eita, eita, eita...chega noite!!!!!!

Hj vai bombar...tô de coração na mão...acabo de ler no Ausiello q Jack não vai morrer...UFA!!!!

Mas acabo de ver tb q hj morre um dos losties...e aí venho aqui e tem esse texto, aumentou então a minha teoria de quem morre na verdade é o Sawyer...apesar de q eu gostaria muito mais se fosse o Locke no lugar dele...

Mas o nosso anti-herói preferido resolve hj sua principal questão: achar o homem q arruinou sua vida e entregar-lhe uma carta. Contudo, poderá ele acabar com Cooper ou simplismente entregar a carta e ter de vez a sua redenção...sem matar o cara.

Pra mim, Lost está na mesma situação de Sun no ep passado, perde de qq jeito. Acompanho os tópicos aqui sempre...se Jack morre, Lost perde; se for Sawyer tb; Locke tb...nos resta esperar pela decisão dos produtores e confiar nesta.

E qto a Jack descobrir um doloroso segredo...aposto q é no fato de estarem escondendo a Naomi dele por não confiarem mais nele...e o segredo dele qual será?

Dudeesssss vc são demais...vejo vcs mais tarde e q venha "The Brig".

Anônimo disse...

Fã puxa-saco e cego esse sujeito aí. Dizer que Lost está no topo de popularidade é provar que sequer acompanha os índices de audiência.

marden disse...

ao contrário de um dos amigos acima, espero que Locke não morra pois na minha opinião le é o melhor personagem da série.