11/02/2007

Rolo de filmagem de Lost é destruído em Aeroporto

Por Sean Hao para o Honolulu Advertiser
Traduzido e adaptado por Davi Garcia
Rolos de filmagens de Lost foram totalmente destruídos depois que fiscais de inspeção do Aeroporto Internacional de Honolulu colocaram o material na máquina de Raio-X, ignorando o aviso que pedia para que não o fizessem.
A equipe da série teve que refilmar as cenas porque não havia cópias. "Essa é a primeira vez que algo do tipo acontece", disse Donne Dawson (comissário local de filmes) acrescentando que ações já foram tomadas para evitar que o incidente se repita.
A perda dessas filmagens não vai afetar a transmissão da popular série de acordo com a co-produtora executiva Jean Higgins, que se recusou a revelar quanto a gafe custou à ABC. "Essa é informação restrita entre nós e a companhia seguradora", ela disse. "Já refilmamos tudo. Ainda estamos dentro do cronograma".
Ter que refilmar algo é um problema e tanto, disse Anne Misawa, uma produtora local e instrutora na Academia de Mídia Criativa da Universidade do Havaí. Refilmagens envolvem custos extras com atores e locações. Para um comercial de tv, esses custos podem facilmente passar do US$ 100.000, e para uma produção do tamanho de Lost, esse número é ainda maior. "Você tem que refazer tudo relacionado à produção do material danificado", disse Misawa.
Lost gasta de US$1,5 milhão a US$2 milhões ou mais por episódio com cerca de 200 pessoas envolvidas no trabalho. Normalmente levam-se 8 dias para filmar 1 episódio de Lost. Portanto se um dia de trabalho foi destruído, o custo deve beirar os US$200.000.
Um filme comercial para o Banco do Havaí também foi destruído no mesmo dia dos de Lost. O incidente ocorreu porque os recipientes que continham os filmes foram equivocadamente misturados à bagagem dos passageiros e enviados para a máquina de raio-x.
De acordo com as informações, o erro ocorreu em função da nova diretiva da Administração de Segurança nos transportes de carga que exige que todo material viajando em aviões de passageiros seja verificado por um sistema de detecção de explosivos. Essas verificações envolvem agentes que colocam adesivos preparados para identificar resíduos explosivos, o que não deveria destruir os filmes. O escritório governamental de filmes disse que já acordou com Administração de Segurança nos Transportes e com a United Airlines um novo processo que previna incidentes futuros.
Pois é, parece que não é só no Brasil que confusões nos Aeroportos acontecem hein?!

8 comentários:

Anônimo disse...

coitados :/

Marie disse...

Oi, vim aqui por não achar outro meio de comunicar: baixei as três versões da parte três do episódio 07 da terceira temporada de Lost e todas dão como corrompida na hora de descompactar.

Aproveito para dizer que simplesmente amo o seu trabalho!

Beijo!

Anônimo disse...

caralho cada episodio eh caro hein o_O

Anônimo disse...

Marie,

Use um cliente de BitTorrent e baixe por um dos site apontados pelo link abaixo:


http://www.torrentz.com/search?q=lost


[]s

Anônimo disse...

fiscais IDIOTAS ¬¬
perderam 8 dias de filmagem! coitadosssssssss

ronald disse...

Não Anônimo, a matéria diz que devem ter perdido 1 dia só. Valeu!

Anônimo disse...

Alguém aí leu a Superinteressante deste mês, saiu uma reportagem sobre Lost e um spoiler:
"Com base em uma única frase dita por um dos personagens, surgiu a tese de que o líder dos Outros, Benjamin Linus, é subordinado a Jacob Vanderfield, diretor da Hanso Foundation, a empresa por trás dos acontecimentos da ilha."
Quem quiser conferir aí vai o link:
http://super.abril.uol.com.br/super/conteudo_207887.shtml

Douglas disse...

http://pt.wikipedia.org/wiki/Tri%C3%A2ngulo_das_Bermudas

É.. pelo o que aparenta o triangulo das bermudas faz algum sentido com as teorias de lost.

Leiam.. é interessante