22/02/2007

Comentários do episódio 3x09 "Stranger in Strange Land"

Quem acompanha o Dude, sabe que sou um fã entusiasta da série, daqueles inclusive que não consegue entender como há pessoas que desprezam as várias qualidades que Lost tem. Mas ser fã também é reconhecer que a série falha com esses episódios sem graça quase sempre centrados em Jack, contudo defendo a posição que até mesmo estes são importantes para sedimentar as bases do que a trama vai explorar à frente. Muita gente vai reclamar (com razão) da falta de ritmo e até mesmo da narrativa preguiçosa que “Stranger in a Strange Land” traz, mas creio que não possamos negar que havia a necessidade de que o arco envolvendo os acontecimentos da pequena ilha de alcatraz fosse fechado. É evidente à essa altura da série, que não precisávamos de um episódio inteiro para revelar o que estava escrito na tatuagem de Jack, muito menos um flashback que de novo não trouxe nada, mas ainda assim vejo este episódio como uma transição necessária para voltarmos com foco total à ação na verdadeira Ilha.

Nada muito relevante aconteceu no episódio. Jack continua como o bom jogador e Juliet tão manipuladora quanto antes, mas vimos o surgimento de Isabel, a misteriosa xerife/juíza dos Outros que à primeira vista me parece ser mais uma personagem interessante a agregar um conflito de valores na estrutura hierárquica daquele grupo, sobretudo agora que Ben está um pouco mais fragilizado.

Mas analisando um pouco mais a fundo o que vimos, posso dizer que não gosto do que estão fazendo com o personagem Jack. Ele nunca foi um dos meus favoritos, mas inegavelmente sempre foi um dos mais importantes, porém o sentimento que tenho agora é o de que o Dr. está sempre frustrado com alguma coisa mas quando tem a chance de fazer algo para mudar, acaba apenas fazendo caras e bocas que sempre terminam em gritos com seus interlocutores e que não levam o personagem a lugar nenhum. Até mesmo a sequência que trouxe Cindy de volta, foi esvaziada em função disso. Por que em vez de gritos, Jack não a inquiriu sobre o que acontecera com todo aquele grupo da Tail Section depois de seu sequestro? O flashback entra facilmente na lista dos mais deslocados e desnecessários de toda a série. Chato mesmo, e nem a presença da intrigante e bela Achara (Bai Ling) traz qualquer relevância ao desenrolar da trama. E me expliquem, para quê mostrar o Jack apanhando sem explicar o motivo? Ok, deve ter algum, mas confesso que não estou interessado em saber, assim como considero uma total perda de tempo insistirem na história mal resolvida entre Kate e Sawyer. Este último aliás, saiu radicalmente da linha de seu personagem. É absolutamente incompreensível que de uma hora para outra o cara egoísta e frio passe a se interessar em saber dos problemas de Karl ou fique querendo discutir a relação com Kate.

Stranger in a Strange Land definitivamente não representa os melhores momentos da série e certamente não responde nenhum grande mistério, o que vai desagradar muita gente, mas analisemos o todo e sigamos em frente, pois muita coisa boa tem que acontecer na Ilha.
Por Davi Garcia

79 comentários:

Carlos Eduardo disse...

O episódio deveria se chamar "Sausage in a sausage serie". Continuo insistindo que o povo perdeu a mão e Lost vai, a cada dia, se degringolando.

Fábio Martins disse...

Por isso que eu digo que os produtores/roteiristas estão se perdendo (sem trocadilho, por favor) a cada episódio que passa.

O Jack é um personagem importante, mas a cada dia que passa se torna um verdadeiro bocó. Parece que nasceu no interior e é ummatuto idiota. O que leva o cara a ajudar alguém que o mantém aprisionado? É Síndrome de Estolcomo agora???

A série está indo pro buraco. Uma pena. Euadorava Lost. Hoje eu meio que estou vendo só por ver... Meu interesse está caindo vertiginosamente. E episódios insossos como este mostra que estou certo.

Na boa, Heores está dando de mil a zero. Até o CSI que estava caindo de produção deu uma bela melhorada e está muito melhor que Lost.

Lamentável.

Abs,
Fábio

Anônimo disse...

Acho que a surra que ele levou, foi exatamente por ele ter sido bem recebido, ser quase um "deles" e no final ofender os costumes exigindo da achara que fizesse a tatuagem, coisa sagrada pelas palavras dela. Inclusive pelo que estava escrito: "Ele anda entre nós mas não é um dos nossos". Por isso ele foi banido. Em diversos filmes já aconteceram isso, vc é recebido, comete um erro ofende os costumes e é banido. somente isso.

abraços

Mclarry

Anônimo disse...

Quanto ao sawyer ele foi frio com o Karl sim... afinal ele deu aquele "conselho" pro karl... justamente pra ele sair da cola dos dois... pois o karl seria um alvo... conforme ele disse a Kate!

andre disse...

nossa!
eu adorei o episódio, achei um dos melhores q passaram na 3ª temporada, e ainda acho q akela japa vai voltar.

papa disse...

Poxa galera....
Alto lá!!!!!!!
Pq tanta reclamação? Toda série tem altos e baixos!!!! Tem episódios q são muito bons e outros nem tanto...mas não quer dizer q Lost tá indo pro buraco! Isso é exagerar demais...
Não concordei com os comentários do Dude (e nem é pq sou fã de carteirinha de Jack). Não achei um episódio morno ou narrativa arrastada...acho q no momento a história tem q ser conduzida dessa forma...

Ah!!! Outra coisa...o Dude comentou sobre o caso mal resolvido entre Kate e Sóia...não torço pelo casal, mas não creio q estão acabando com o personagem Sawyer só pq ele tá se humanizando... discordo q ele está sendo descaracterizado, já q em muitos casos vimos q ele pode ser diferente dakela casca egoísta e fria...

Não concordei com esse e todos os comentários sobre "Stranger in Stanger Land", ou sobre os episódios anteriores...q cada um tá pior do q o outro, etc....é como eu disse: no momento a série tá precisando ser conduzida dessa forma pra q algumas respostas sejam respondidas...

Bem....acho q é isso...Desculpem o texto confuso ou se não me fiz entender....ah! E não quis atacar ninguém, viu?

Um abraço pra todos

Papa

Marina disse...

A coisa realmente está ficando feia... Na boa, eu não quero saber todas as respostas daqui a 3 ou 4 temporadas, ou seja, daqui a 3 ou 4 anos!! Pelo amor de Deus!!! Tá na hora deles começarem a desembuchar alguma coisa antes que todo mundo desista...

Gisele disse...

Concordo em gênero, número e grau!
O Jack está se tornando um personagem que não acrescenta nada à história. A falta de curiosidade dele sobre os sobreviventes raptados me irritou profundamente. E só soubemos o significado de metade da tatuagem... ou aquela 5 e a pirâmide não tem significado nenhum?
O final do episódio, como os casaizinhos ao luar e um musiquinha ao fundo, parecia Greys Anatomy.

Renan disse...

Não achei ruim o episódio, pelo contrário, o melhor da "série" trio + outros... Os outros focados na prisão deles detonaram a série, o flashback desse foi inútil, mas o que aconteceu na ilha é totalmente relevante, vimos as crianças e Ben é mesmo o líder.

Alguns novos "misterios":

O que Karl tanto faz para Os Outros sempre capturarem ele?
Qual a função da xerife?
O que é a marca?

Thairone disse...

é por causa de episódios como este que estou preferindo Prison Break.

RagDoll disse...

achu Q todos os episodios centrados em Jack, sao meio chatos! achu ele umm personagem mt parado, mesmo sendo ele um dos principais! com tudo ... agora eh esperar o 10 0/

felipe disse...

Sabia que esse episódio seria chato!

Berita disse...

prison break e heroes estao dando de 10 a 0 em lost nessa temporada, outro q eh um ANIME e tbm esta arregaçando é DEATH NOTE.

sem mais

Anônimo disse...

Realmente esse episódio foi bem fraco, mais acho injusto as criticas q o pessoal anda fazendo sobre a série.
Por enquanto continuo achando Lost uma série muito boa, e acho que os produtores sabem o que estão fazendo.
O que eu axu q deveriam fazer era parar de fazer flashback sobre o Jack, Kate, etc.; já falaram tudo o q tinha q falar sobre eles.

Suzanna disse...

Da primeira vez que eu li que teria UM ÚNICO episódio para explicar pq Jack tem aquelas tatuagens achei absurdo!!!

Pra quê tudo isso? Que perda de tempo!!! Pra inflar um pouco o ego do Mathew Fox???

Jack era pra ser um dos melhores personagens, ele é o protagonista querendo ou não... mas está virando cada dia mais um chato, sem-graça... Os FB de Sawyer e Kate batem os de Jack de longe...

É uma pena, já gostei do Jack da 1º temporada, agora... Até FB de Charlie eu assisto mais do que esse...

Pelo menos eu acho que o tão aguardado eps. 14 vai ser bem melhor que esse!!! Não vai ser difícil né?

Anônimo disse...

Concordo com a maior parte da análise do episodio. So discordo do finalzinho quando vc diz q o sawyer saiu da linha. se obervar bem vc ira ver que ele nao estava tentando ajudar Karl. Na verdade só queria ele bem longe, já que ele é um alvo do ben.

bia disse...

Pois é.. eu ja sabia que este episodio seria uma m*****, basta ter FB do jack!
Me digam qual foi o interesse de saber o significado das tatuagens dele? FB so pra encher linguiça mesmo!
Eu nem sou fã de Jack, mas não concordo quando falam mal dele, logo nesta temporada onde na minha opnião é onde o cara esté bem melhor!
Tou gostando de ver a participação dele sim, ele e a Mitchel tem uma boa quimica e isso já saiu na tele, muito bom o climinha deles!
Outra coisa que discordo.. eh falarem mal do Sawyer.. ah isso eh que eu não tolero, sendo eu big fã dele! LOL um cara egoista e frio como o dude referiu, pode ter sentimentos, pode mudar, certo? eu acho que eh esse o objectivo do lost i tudo, mudar as pessoas, descobrir o seu interior, nao achei k ele tivesse tratado o Karl mal, eu acho que vces não perceberam a cnversa deles, ele libertou o karl, pra ele puder ir ter cm a mulher k ama a alex, esse papo tdo, pra demonstrar indirectamente pro publico que ele ama a kate...
Sawyer eh uma personagem k não vai sair da linha nunca.. ele pode estar apaixonado, te um relacionamento, mas o seu sentido humor, e as suas piadinhas e alcunhas nunca vão desaparecer!!
Eh isso ai galera, minha opinião, espero realment que o episodio seguinte seja melhor, mas eu creio que sim ;)

Guilherme Stein disse...

Eu penso que existem dois tipos de espectadores de Lost:

Tem os que adoram o mistério e querem que cada episódio seja uma peça do quebra-cabeça, contendo pistas que levem a solução do mesmo. Para esses, o episódio foi uma droga. Nada de novo, absolutamente nenhum mistério foi elucidado além da explicação das tatuagens de Jack.

Existe também outro tipo de espectadores que também gosta do mistério, mas gosta mais das histórias dos personagens. Lost não é linear. Concordo que o tema central é saber o porquê de tudo aquilo, mas os flashbacks e as relações dos personagens da ilha também são temas interessantes. Para essas pessoas o episódio foi bom. Foi bom pois nos ajudou a entender mais sobre as origens de Jack, que se revela cada vez mais um líder. O significado da tatuagem diz tudo, líderes são para quem as pessoas olham nos momentos dificeis, entretanto são solitários. Caminham sozinho na multidão, pois sabem que mesmo sendo um líder também tem problemas. Estamos assistindo a construção de um líder que luta contra seu destino: Jack

Felipe disse...

parece que a série vai ficar STOP & GO. Um cap ruim para outro excelente. O da semana passada acendeu minhas esperanças, já o dessa semana foi fraquinho bagaraio.

Davi disse...

Engraçado, vou na contra mão.

Odiei o episodio de Desmond, mas achei muito bom este episódio, bastante elucidativo.

Lost teve um episodio de transição e acho que agora so vai esquentar....

Anônimo disse...

olha...eu respeito a opinião de cada um que gosta de Lost mas...sei lá...acho que só por que uma coisa ou um episódio não foi o que você esperacva...não é motivo pra sacificar a temporada inteira...eu nunca gostei muito do Jack mas acho que nunca é demais saber alguma coisa ...por mais irrelevante que ela seja...quanto a Sawyer... bom a ilha muda as pessoas e ...não acho que porque ele está gostando de algúem isso modificará a estrutura do personagem...faz parte de Lost a mudança de atitude...mas não a personalidade...ningúm pode ser frio e egoísta se não está sentindo vontade de ser isso...é hipocrisia falar que gosta de um personagem e não apoiar as mudanças dele durante a série....

Luciano disse...

Quem não gosta do site ou de Lost não merece comentários por isso sugiro ignorar....achar o episódio ruim é normal mas achar q série vai mal já é bem diferente.
De Lost sempre se espera mt, por isso quando acontece um episódio comum sem maiores revelações ou sem novos mistérios ou principalmente após aquele super episódio anterior onde aconteceu uma mistura de Efeito Borboleta(volta no tempo)+Matrix(Oráculo)+Premunição(não importa o q eu faça vc vai morrer de qqr jeito)+jogos mortais(final surpreendente) tem sempre a impressão q a série vai cair.
Mas o episódio anterior mostrou q Lost tem mt ficha pra queimar e espero q os produtores tenham a decência de revelar os mistérios no seu devido tempo sem enrolar pq senão o público vai acabar abandonando.

vitor disse...

Concordo!

Anônimo disse...

Adorei o episódio...sinceramente nada a reclamar!

Anônimo disse...

nossa.
a ignorância das pessoas eh de se decepcionar msmo...
todos reclamaram que não revelaram o que os sobreviventos seqüestrados do vôo 815 iam assistir. É simples: o 'aqui' da Cindy comprova que ela se referiu à ilha 'Alcatraz', porque, provavelmente, eles estão morando na vila principal dos outros, e foram levados à 'Alcatraz' para assistir o julgamento da Juliet. Custava prestar mais atenção? :s
Ah, e como vocês podem reclamar que o Jack não perguntou nada? ELE FEZ DUAS PERGUNTAS, mas a Cindy não pôde respondê-las! Ela não responderia NADA, isso é MAIS que ÓBVIO! Basta pensar, né, gente... Pelo amor de Deus! =/
Me impressionei, até o cara que posta no blog vacilou e não prestou atenção também no por que do espancamento do Jack. Ele foi espancado porque quebrou tradições daquele povo, como a Bai Ling o alertou. O que faltou ser explicado nisso?
outra coisa... COMO um episódio desses não acrescenta nada à serie? Ficamos sabendo mais dos Outros, ficamos sabendo de seus critérios, descobrimos que os raptados E o flashback foi, sim, necessário, e como sabemos que a atriz Bai ling estará de volta até o final da temporada, sabemos que será explicado o SIGNIFICADO (e não a tradução) da tatuagem do Jack, bem como ele veio a fazer a outra. Foi um flashback tipo parte 1, que terá uma continuação.
Sobre Sayer e Kate... ME MOSTREM ONDE ELES ESTÃO SENDO ATORES RUINS? Nossa, eles continuam ótimos como sempre. E o Sawyer não está em decadência... Ele já tinha bancado o bonzinho várias vezes antes, e todos sabem muito bem disso. Fora que depois do que ele passou nesse tempo preso, ele pode ter ficado amis sensível... Momentaneamente, claro.
Não entendo MESMO por que reclamar de um episódio excelente como esse, com tantos pontos altos e NENHUM baixo! =SSS
Se Lost ENTRAR (porque não está) em decadências, a culpa será de fãs como vocês, que simplesmente exageram nos comentários e nem levam em consideração o aproveitamento de um bom roteiro, boas atuações e elementos importantes.

HUNF!!!!!

Fabricio disse...

Quem diz que o flashback foi vazio, das duas uma: ou nunca gostou dos flashbacks de Lost, ou caiu na incoerência causada pela ansiedade.

Revejam a série do começo. Em seu auge, será que havia tantos falshbacks fundamentais? O que dizer dos primeiros de Jack, lá atrás? E Said? E Charlie? E Shanon? E Boone? Muitas coisas que se vangloriam hoje, foram construções com o tempo.

A nova xerife dos outros entende o idioma de Achara. Por quê? Isso ninguém pergunta. Pode não ser à toa o falshback. Mas como todos os outros, só podem ganhar sentido com o tempo. Lost sempre foi assim. Piorou em outras coisas, mas nisso, acho que os fãs é que mudaram.

Ah, Jack grita: finalmente parece uma reação humana sob pressão.

Edilson disse...

Eu achei interessante saber q Ethan era o cirugiao dos outros.

Daniel Braga disse...

Eu discordo plenamente do que nosso amigo que escreveu no blog disse, que o episódio não apresenta nada de novo. Pra mim ele acrescenta muita coisa, mas tudo ao velo estilo subversivo Lost de ser. Coloca questões no ar, que com isso nos faz buscar o novo, e essa é a intenção dos produtores. O que Jack fazia em Pucket? Qual o verdadeiro motivo de que Achara escondia de Jack sua real "profissão". Já pensaram que seria mto simples ela contar " eu sou uma tatuadora, e marco as pessoas com o que elas realmente são". Com certeza os produtores quiseram dizer muito mais do que isso, e isso é o novo, é o que temos que procurar, não apenas receber coisas mastigadinhas, como é o tipo de resposta que muitos esperam, que seria a do tipo : " Olá. Eu sou o Benjamin Linus, Sou dos outros e nós somos x " Isso tenho quase certeza que nunca acontecerá em Lost. Devemos buscar as respostas, e não apenas nos focarmos no cru.

Ana Paula disse...

Nossa, ridículo o post Dude!
Por caso vcs querem que todos os capítulos sejam 10? Fala sério...
Acho que vcs exageram muito!
Criticam de+ e pensam de menos...
Criticar o rumo do personagem Sawyer? Acho que vcs deveriam assistir desde a 1ª temporada novamente e ver a evolução do personagem, depois vcs poderão criticar. Eu acho que o terreno está sendo preparado p/ a 'humanização' dele há tempos. Lost tb é romance, sinto muito se vcs tem algo contra isso.
Odeio Jack, não o suporto... mas não é pq houve um capítulo com flashback dele que vou detonar a tudo e todos. Alto lá...
Episódio chato, mas que fecha um ciclo.
Esse blog está se tornando como algumas comunidades de Lost no orkut: OS DONOS DA VERDADE!
E acho mais: tem muita, mas muita série mesmo pra vcs assistirem. Montem um blog p/ as séries que vcs acham q estão bombando. Melhor fazer isso do que descer a lenha em Lost, só pq 1 episódio não agradou!
Fala sério...

Anônimo disse...

Também indo nas contramão achei o episódio bem melhor que o do Desmond pelo menos este explicou alguma coisa e não acho que foi pouco não... a explição da tatuagem o Jack excelente pois o cara é e sempre será insatisfeiro em teoria sempre será um deslocado, vai estar sempre entre "outros". Gostei de conhecer um pouco mais a hierarquia dos outros. Detestei o Sawyer, quando eu penso que o cara está virando gente grande e volta a ser "o" egoísta.

David disse...

Gente, este episódio só não foi mais chato que o do Charlie da segunda temporada (que alias passou hoje na Globo). Muito ruim o flashback, o ritmo, a abordagem, tudo... Espero que coisas melhores venham pela frente, pois tá dificil acompanhar Lost. E o retorno da Cindy foi mto chocho, uma personagem ótima como ela, merecia algo melhor.

Anônimo disse...

Eu concordo com a analise do episodio e acho que esse realmente deixou a desejar. So nao concordo na parte que o dude falou q o jack so faz gritar com os outros nessa temporada. Claro que ele tem que gritar! Quem aguenta? Passar mais de um mes preso numa ilha achando que voce ta sozinho sem tecnologia nenhuma e quando realmente vc encontra pessoas que ja estavam na ilha antes de voce, elas te prendem num aquario de tubarao e comecam a se comportar de maneira estranha sem te dizer nada sobre eles. Voces aguentariam?

Guilherme disse...

Gostei do episódio.

A falta de conteúdo irritou um pouco, porém concordo q foi um episódio de passagem para voltar a ilha principal.

Os episódios da 3a temporada tem sido bastante criticados negativamente.

Mas se parar pra analisar no fundo todos eles são bons e tem importância; o problema é que geralmente eles não são aquilo que estamos esperando ver, por isso parecem ruins.

Continuo sendo um graaaande fã da série e estou ancioso para o proximo episodio.

Anônimo disse...

Concordo com a analise do episodio. Realmente Stranger in a strange land deixou muito a desejar. So nao concordo quando o Dude fala q o Jack so faz gritar com os outros nessa nova temporada.
Claro que Jack tem q gritar. Quem aguenta? Passar mais de um mes numa ilha cheia de misterios achando que voce ta sozinho e sem tecnologia nenhuma e, quando finalmente vc encontra pessoas que ja estavam vivendo la antes de vc, essas pessoas te prendem num aquario de tubarao, comecam a agir de maneira estranha sem ao menos dizer quem sao e o que estao fazendo na ilha. Voces aguentariam?

rodrigo disse...

tenho algumas observações:
1- Concordo com todos sobre a série mostrar a mudança dos personagens. Sawyer está mudando ou se revelando.

2- Esse episódio sobre Jack, por incrível que pareça, foi mais elucidativo que o anterior, sobre Desmond, que na verdade, só levantou novas questões. Nesse nono episódio vários aspectos da vida dos Outros foram revelados.

3- A tatuagem de Jack não está completa ainda.

A verdade é que esse episódio é bem menos interessante que os anteriores, mas mesmo assim é um episódio digno da série, e me agradou muito.

Para aqueles que não são fãs do Jack ou não gostam do personagem, um lembrete: o cara foi um verdadeiro herói ao planejar a situação durante a cirurgia de Ben e conseguir tirar Kate e Sawyer da ilha.

Fãzãozão disse...

Lost é uma série de continuidade.

Pontos são dados e pontos são ligados.

Não podemos olhar para Lost com os mesmos olhos de "Friends", "Seinfeld" ou até mesmo "Arquivos X". Essas eram séries que não precisavam de nexo entre os episódios, bastava-se apenas seguir a linha de interpretação, bastava-se fazer rir, meter medo ou contar uma pequena lenda urbana.

Lost não.

Lost é uma grande história. E como qualquer grande história possui começo, meio e fim. Pobre dos que só se alimentam das histórias fantásticas tipo as de Dan Brown onde 500 páginas contam 1 dia e meio.

Lost é uma trama muito complexa e dramática, os personagens possuem vidas sólidas (poderiam ser eu ou você). Tem-se personagens com personalidades bem construídas e interpretadas, personagens com passado, presente e (talvez) futuro.

Ah deixem de merda de dizer que esse epsódio foi fraco. Shut up and watch!

Fãzãozão disse...

Não me improta CSI, Heroes nem Old Christine. Minha opção foi assistir a Lost. Não o comparo. E nem por isso deixo de criticar. "Stranger in a strange land" foi ótimo!!!

Pierre disse...

Interessante como as opiniões sobre a série divergem bastante. Sou um dos poucos que gostaram do ep.09, por ser coerente com a trama. Finalmente o elemento "Outros" soaram como uma civilização, e os sentimentos de cada um dos novos personagens foram desenvolvidos naturalmente (para mim, nos episódios anteriores houve alguma má condução que não consigo explicar).

A série nos propõe a gostar do mistério. Os mais ansiosos não suportam, mas o caso da digressão do Tom e a hostilidade do Jack com os sobreviventes é o que alimenta a série. Imagine que sem graça se o Ethan tivesse sobrevivido e contado tudo para os Losties.

Ainda bem que pelo menos para mim, os últimos episódios foram mais interessantes que a maioria dos iniciais. O pior episódio sem dúvida foi o "A Cost of Living". Matar personagens desnecessariamente me parece um pouco de Big Brother, só que com os produtores escolhendo quem não os agrada.

Dude, continue com este ótimo trabalho neste blog !

Rafilsk disse...

Putz, o Jack já tá com ar de doido.

Tb pudera, é só stress conviver com aqueles outros. Só acontece coisa ruim naquela ilha pequena. Rapai, qd aquela mulé apareceu, a Isabelle, ela me deu nos nervos. Ô mulé BiZzarra... Mai depois eu vi que ela é só tipo: uma advogada misturada com juíza.

E eu achei q ia acabar o episódio sem saber o q a tinha escrito na tatoo do Jack. E detalhe, Jack tem duas tatuagens no braço, aquela frase q a Achara fez e outra em cima, feito um tribal, essa não apareceu no flashback não.

A Achara descreveu exatamente o que o Jack é na ilha: solitário, descontente e irritado.

E aquela queimadura na Juliet? Q marca estrannha é aquela? Paracia um asterisco. Hehehehehehehehe

Bom, comparando com o outro de Jack, A Tale Of Two Cities, esse foi beeeeeeeeeeem melhor! E aquele final, hein? Pra onde eles estavam indo? Palpite: pra Othersville ou praquele lugar bonitinho onde Ethan consertava encanamento e Juliet assava biscoitos para o Clube do Livro. Siiiiimmm, falando em Ethan, aquele psicopata tb é cirúrgião, caramba. Sem mais...
eXcelente!

Anônimo disse...

Dudes!
Será que estou assitindo a mesma série que vocês?
Eu simplesmente estou amando, e a cada episódio estou mais interessada em continuar acompanhando a saga dos meus queridos personagens.
Adorei o episódio dessa semana, apesar da "falta de ação" que muitos estão reclamando.
O personagem "Jack" surpreende a cada nova virada sua, e isso o torna interessantíssimo, o bom e correto Dr. Jack, pode ser o manipulador Dr. Hide e Sawyer continua o máximo, cara e algumas ações de badboy, mas no fundo uma boa pessoa, e aquele sarcasmo é tdbom.
Não sei se sou muito otimista, mas não vejo a hora de baixar os próximos episódios de Hurley e Said (que é um dos personagens que menos gosto)e continuar acompanhando minha série favorita.

Bjks ao fãs e aos que não são fãs, Sorry, watching another show!!

Felix disse...

Xerife
Alguém notou?
Quando falam da Isabel, a chamam de Xerife.
Ao fundo de sua aparição aos 14 min. ouve-se o som do Lostzila(além dos grilos,aquele som peculiar).
Não existe uma analogia ai. Seria Ela outra "personificação" do lostzila, fazendo seu papel de sistema de segurança?
O que vcs acham????

Alice disse...

Realmente, eu me empolguei muito com a terceira temporada, mas esse episódio foi completamente desnecessário. Eu diria que eu poderia assistir o 10 sem ver o 9 tranquilamente, pq nao mudou nada... poderiam ter dito o significado da tatuagem de Jack em um flashback, não precisavam gastar um episodio inteiro pra isso.

E isso sem contar que realmente estão tornando os persongens uns completos bocós! Queria saber se isso é idiotice dos produtores ou não passa de algum "plano" pa série... Jack parece q vai explodir se vc trocar mais de duas palavras com ele. Sawyer tá virando um molenga completamente diferente do que era antes (arrogante, insensivel), e Kate... enfim, Kate sempre foi sem sal ao meu ver, mas isso não vem ao caso (ela agora me parece mais sem sal ainda!)

Espero que LOST não continue como esse episodio!! Tem tanta coisa que apareceu na 2° temporada q nao foi explicada ainda, nem citada... como o pé daquela estatua no Live Together Die Alone, e aqueles esqueletos na caverna, e aquela visao que o Locke teve de um tipo de mapa nas paredes da escotilha.

Ai ai... aguardemos então.

Marta disse...

Eu tb achei muito chato,principalmente depois do maravilhoso flashback de Desmond...Espero que as coisas melhorem daqui pra frente..

Anônimo disse...

É impressionante o quanto o fanatismo cega as pessoas. Eu sou fã de Lost, mas tenho que concordar com o Davi. O episódio foi no mínimo constrangedor tanto em termos de roteiro, quanto de relevância. E concordo 100% que estão afundando Jack. O cara é um ótimo ator, mas os produtores estão enterrando o personagem num mar de chatice insuportável.

E Ana Paula, acho que vc não deve acompanhar o blog. Foi no mínimo injusto e agressivo ao extremo seu comentário. Eu só tenho a agradecer essa galera que nos traz tantas informações e notícias. Sem o Dude Lost não seria a mesma coisa. Acho que no mínimo eles tem todo conhecimento de causa e o direito de expressar sua opinião. E seja ela qual for, eu respeito. O trabalho deles dá esse crédito. Vc poderia ter discordado com mais elegância.

É a primeira vez que vejo o Davi fazer uma crítica nesse sentido (e fiquei surpreso, pois mesmo quando o episódio é uma droga ele arruma alguma coisa de bom pra dizer - nesse ele deve ter dado o braço a torcer). E mesmo assim, a crítica dele faz eco com milhares de outros fãs que também se decepcionaram pq esperavam que Jack fosse mais valorizado e que sua história pessoal acrescentasse algo a mais na trama. Esperávamos que a reviravolta viesse, merecidamente, com Jack. Mas, não foi dessa vez. Que seja com Hurley.

Lili disse...

DO DONO DO BLOG AOS COMENTARISTAS DESTE POST:

PAREM DE QUERER EPISÓDIOS ORGÁSMICOS TODA VEZ!!!!

A VIDA É FEITA DE ALTOS E BAIXOS, MOMENTOS DE REFLEXÃO E EUFORIA.

A SÉRIE SÓ RETRATA ISSO.

COMO DISSE UM GRANDE FILÓSOFO:
O ORGASMO É TÃO BOM, PORQUE DURA MENOS DE 1 MINUTO...IMAGINE FICAR GOZANDO O DIA INTEIRO?? NÃO TERIA GRAÇA...

Concordo completamente com Papa, e outros...

LOST CONTINUA DEMAIS, NADA DE DECEPÇÃO OU NARRATIVA PERDIDA...

Inté povo super-hiper-crítico

Vinicius disse...

Para mim a temprada está excelente, o episódio do Jack Mala, tem que ser mala, pra gente respirar.

Tivemos ótimos episódios (o último da mini temporada, e depois Juliet, Desmond!!!).

Achei o episódio arrastado, e o flashback inútil mas na ilha as coisas tomaram cor denovo, não vejo a hora de ver todo mundo lá, e o resgate do Jack.

Qdo tivermos todos os episódios dessa temporada pra assistir em casa veremos que ela foi a melhor, aposto.

Anônimo disse...

A chinesinha levantou a pipa do Jack. huahauhauhau

Claudia disse...

Sinceramente, vou descordar dos comentários do Dude e de alguns amigos aqui. Não é pq Jack é o meu personagem favorito não. Gostei do episódio, nem por um minuto achei chato. Jack grita com a Cindy??? Grita sim e daí? Vcs tem que se colocar no lugar do cara. Eles foram sequestrados, trancafiados, separados uns dos outros. Muitas perguntas e nenhuma resposta. Vê seus amigos irem embora, e abandonarem ele lá......o que mais vcs querem? Que Jack seja calminho, converse com a Cindy numa boa? O cara acorda dentro de uma jaula, depois de ter ajudado o líder deles na cirurgia, e nem assim pode ir? É observado do lado de fora como se fosse um animal. E ainda tem que ser racional?
Qual é?
Ele fez perguntas pra ela, pro Tom e se comeveu com a marcação da Juliet, e apanhou no Fb por que fez as tatuagens....não acho que ele tenha apanhado ser ter dado um motivo!!!
Pra mim o episódio foi excelente. No meu ranking, o FB do Locke(tb um dos meus personagens preferidos) foi o que mais me decepcionou até hj, tirando Dave. (Hurley) que foi uma chatice.

Zuzuwah disse...

Gostei do episódio, e não entendo as críticas de vocês. Como que o episódio foi irrelevante se todo mundo ficava perguntando por aqui e em outros blogs quando iriam explicar as tatuagens do Jack?

Faço coro ao rapaz ali em cima que escreveu que é pra galera se ligar nos detalhes. Isso mesmo. Esse episódio foi muito massa nesse sentido. Jack mais uma vez desrespeitando regras, querendo se intrometer até de forma arrogante na vida da tailandesa, dando ordens furadas e tendo consequências por seus erros.

Só tem que avisar os produtores de Lost que na Tailândia não se fala chinês!! :)

[]s
Zuz

Alan Ongaro disse...

Será que eu fui o único a gostar desse episódio??

Achei esse episódio sensacional!!!

Gostei muito de saber o que significava a tatoo, e de ver que Jack esta indo para o lado negro da força!

Episódio nota 8!!

disse...

pro anônimo que fala de fanatismo... meu filho, ngm eh obrigado a detestar um epi soh pq vc detestou. chama-se opinião própria, cada um tem a sua........... aff

q vcs xinguem o episódio, mas respeitem quem gostou, pelo amor! :S

Anônimo disse...

o barco que eles foram embora é o mesmo do Walt?
parecia.....

rodrigo disse...

Foi bem notado pelo Félix. Quando a Isabel aparece aos 14 minutos, o barulho da fumaça negra (não aquela explosão, mas aquele barulho mais sutil)a acompanha.

Ela poderia ser a materialização do Lostzilla. Se seguirmos a teoria de que a fumaça materializa o que há na consciência das pessoas, então Isabel seria a consciência das pessoas na ilha, a personificação da Justiça, da necessidade de julgar alguém que fugiu das normas.

Lara disse...

Este sem dúvida foi o flashback mais chato da temporada e quem sabe de Lost (descontando os do Charlie, claro).só serviu pra mostrar como foram feitas tatoos (o que poderia ter sido solucionado em uma conversa na beira da fogueira). Até o significado de parte dele (pq o resto ainda não foi explicado), não é o que parece ser, ou seja, continuamos na mesma.
E o Jack gritando com a Cindy foi sacal mesmo. Não importa se a situação era de pressão, coisa e tal... pelo menos uma perguntinha coerente deveria ter saído.

Para mim, estão mesmo afundando a personagem do Jack.

Mas ainda assim achei um bom episódio. ´

Primeiro, pq já não esperava grande coisa, depois pq lançou um monte de coisas interessantes:
. Na conversa da Alex com o Jack ficou claro que ela queria que o Ben tivesse morrido. Pq?
. Essa estória da marca vai render. Todos ficaram muito assustados quando foi mencionado. Deve algo vergonhoso ou com consequências futuras, bem no estilo "flor-de-lótus".
. A povo fica enchendo pq o Sawyer deixou o carinha ir e não pegou o RG, CPF e tudo que podia sobre os outros. Para mim, nada mais claro. O Sawyer é um dos com melhor senso de sobrevivência na ilha. Ele tinha mais coisas para se preocupar do que isso.
Momentos esclarecedores:
- Cindy e as crianças estão vivos e bem. Tá certo, meio estranhos, mas bem. Isso já derruba a teoria de que as crianças crescem rápido demais.
- Ben manda mesmo e fim de papo. A xerife acatou sua ordem sem questionar.
- Jack e Juliet ficam muito bem juntos. Quando começou esta temporada e surgiu essa possibilidade não acreditava que realmente conseguissem algo convicente para aproximá-los. Pois conseguiram.
- Cindy e as crianças estavam na ilha para assistir (na minha opinião a excução da JUliet). Se os outros não moram ali, para que a traballheira toda de levar aquele pessoal só para "assistir". Ou a coisa era algo extraordinário (tipo um sacrifício ao Lostzila) ou vacilaram nessa continuidade só para encaixar os desaparecidos.
- E... o menino estava com o ursinho? Portanto o ursinho e o menino na floresta (visto pelo Eko e Jin) eram outros"Outros"?

Anônimo disse...

O q é ser fã gente? Não é defender o quê ou quem se gosta do q der e vier? Não quer dizer ser cego e não ver os defeitos mas pelo menos não ficar denegrindo ou ofendendo aquilo q se gosta.
Eu amo lost desde o início e sempre vou defender a série, por mais q~não goste de alguns aspectos às vezes. Pelo menos não fico falando tanto mal e sei q o episódio de 4 passada foi o início de algo mto grande q está surgindo e q foi preciso mostrar a história desse jeito. Ou vcs acham q roteiristas do calibre dos de lost vão escrever algo simplesmente pq estão cansados e resolveram escrever abobrinha?
Claro q não!
Adorei o episódio e cd vez mais me apaixono por Jack pq sinto nele uma força mto grande q será capaz de unir losties e outros contra algo mto maior e perigoso. E q terá uma compaheira a altura: Kate!
Meu desabafo e pensem antes de ofender pq quem escreve essas coisas horríveis de lost é pq não é fã de verdade. Só sabe criticar!

Adilson Nascimento Junior disse...

Gente parece que o Davi Garcia viu outro episódio... não vi NADA de tao chato assim... bom ele parece que só gostou da Achara (credo) salve a Sum.

Fabricio disse...

Fiz um comentário acima.....
E continuo não entendendo: ninguém comentou o "simples" fato de Isabel, a Xerife, saber o idioma das tatuagens! Não vale nada isso?

Só para aqueles que enxergaram no episódio falta de respostas. Porque para mim, tratou-se de é de novas perguntas. Ainda bem, aliás.

TrentNIN disse...

Eu achei o episódeo muito bom... não sei pq essa tamanh raaaiva do Jack.
Se ele é bonzinho todo mundo odeia, se ele é irritado todo mundo odeia... acho que é muito mais pelo fato de ser chamado de principal da série (porém não vejo ele assim).
Se for falar dessas crises dele, então temos que ver q o Sawyer tb vive na mesmice, querendo ser o "misterioso", o frio, o sem sentimentos, o rei das tiradas...
E o episódio dele na cadeia acrecentou algo do personagem além da existencia da filha?... acho que isso tudo se deve a preconceitos... viu como é facil falar mal d eum personagem?

Eu gosto do Sawyer e do Jack e como falaram realmente foi muito bom colocaram a situação em q jack se encontrou.. afinal pq nao queriam q ele fosse marcado?
E como ja falaram tb e bem interessante o fato da xerife saber a lingua escrita no braço de Jack.

Helene disse...

Gostar da série não impede que façamos críticas quando algo não nos agrada. Concordar sempre é limitação.

NÃO gostei muito deste episódio, mas NÃO o achei ruim de todo.

Quando a Cindy apareceu me deu até palpitação de tanta ansiedade, por isso fiquei fula quando o Jack gritou e ela foi embora. Mas está no script, esperemos o desenrolar disso tudo.

Como o Fabrício mesmo disse, lançou novos questionamentos e eu gosto disso. Às vezes até mais do que das respostas, que com certeza
virão a seu tempo.

Gostei dos momentos Kate e Saweyr (coisa bem casal temperamental) mas não dos produtores terem programado a libertação do Karl para evitar uma enxurrada de respostas.

Como ponto alto, a interação entre a Juliet e Jack - Jack e Ben (apesar do sorrizinho de lado do Jack estar ficando tão clichê quanto seus acessos de fúria).
As personagens "falam com os olhos" e isso fez com que as cenas ficassem tensas. E a "xerife". OMG, que mulher cabulosa.

Agora três coisas que detestei:
- Achara... feia demais pro Jack.
- As camisas do Jack na Tailândia... sem comentários.
- No final do episódio, cenas legais e aí o pessoal me coloca aquela musiquinha fim de festa, tosca de dar dó. Putzzz... cadê aquela trilha bacana da primeira temporada.

Mais 2 coisas que gostei:
- Ah... e finalmente o cabelo do Jack tá crescendo depois de trocentas temporadas. Tá ficando mais bonitinho.
- E o Tom é muito engraçado. Ele segurando a sobrinha para o Ben no final foi demais.

André disse...

Eu não sou muito fã da personagem do Jack desde dos primórdios de Lost.
E isso não tem nada a ver com preconceitos, mas com preferências (e nem são sexuais, pq neste quesito a Kate reina absoluta)... só isso.
----------------
Sobre o episódio. Regular...
Não trouxe grandes impactos (nem mesmo emocionais) mas também não nos jogou no fundo do poço.
Alguns questionamentos foram lançados, mas tenho a sensação que estes servirão para uma construção coerente das respostas.
Só de saber que as crianças ainda são crianças - odiei aquela teoria que elas cresciam de forma anormal, coisa e tal - já tá de bom tamanho.
Outro ponto que ninguém comentou... quando o Karl diz para a Kate que as crianças estão melhor que ela. Isso revela que mesmo ele estando as turras com os outros, ele acredita que o que estão fazendo é certo.
E...
Sawyer se livra do Karl e ele decide ir procurar a Alex, provavelmente na vila dos outros. Mas ele não está sendo caçado? Pode ser piração, mas quem sabe isso não revele que há a quem recorrer... talvez Jacob!
Por fim, como falou a Iara. O menino não tava com o ursinho? Quem diabos estava carregando outro ursinho na mata. Sinistro!

gugaaa disse...

diferente da maioria eu gostei do ep... mas quanto ao jack concordo.. td ele grita... tsc tsc tsc

Anônimo disse...

o flashback com certeza foi só pra enxer linguiça msm... pq ñ seria, tbm, mto agradavel fazer outro flashback d um dos losties originais, e esquecer d vez os protagonistas!

tbm ñ poderia ser um d Kate ou Sawyer, pq eles estavam bem longe d onde as coisas aconteciam!

Ben, ou qqr "outro", tbm ñ, já q acabamos d ter um da juliet. E isso então seria bom, + tds sabemos q ñ faz o estilo dos produtores!


o unico jeito foi fazer o do jack msm, ñ pq eles tinham um flashback interessantissimo pra passa, mas sim pq o momento na ilha era dele.

Raquel disse...

eu AMEI o episódio. Assim como todos os outros da temporada. Se essa é a série que eu mais me dedico e sou louca e alucinada por ela, eu gosto de tudo nela. Desde o fato mais importante até os mínimos detalhes (como as camisas do Jack na tailândia que um carinha aí em cima detestou ¬¬)

Não vi nada de errado com o Jack. O flashback dele serviu até mesmo para relacionar com o que aconteceu na ilha: ele querendo dar uma de mandão e impondo as vontades dele, acaba se dando mal. MANDOU (mandou sim, pq ele qse espanca ela xD) a doidinha tailandesa fazer as tatuagens nele e se deu mal depois q meio q desreipeitou o povinho la naquele lugar fazendo isso. parou de fazer a cirurgia no ben, mandando e exigindo que deixassem os amiguinhos dele fugirem e se deu mal no final, indo pra jaula.

e o significado das tatuagens dele é interessante. 'ele caminha entre nós, mas n é um de nós' . . . isso é pra mostrar q ele sempre foi isolado das pessoas ? é . . . sendo um líder, como a doida falou, ele vai tender a ser sozinho . . .

e se irritar facilmente. qqqqllllllll é o problema em o cara gritar com a cindy ?
poxa, o cara foi levado com um capuz na cabeça, colocado dentro de uma sala fechada, sabendo que estava sendo observado, viu a pessoa que ele supostamente gostava (kate) com outro cara, fez a cirurgia no ben com a promessa de q ele iria embora daquela ilha depois disso, e o q ele ganha no final? jaula. aí ele acorda com aquele sol horrível na cara (é, eu sou fotofóbica) e vê um bucado de gente observando ele. eu ficaria doida se isso acontecesse comigo, pq n ele, q tem muito mais cmotivos pra isso? gritou com toda razão.

nooooooossaa
isabel me deu medoo. que mulher bizarra xP
e concordo com qm disse aí q pq ela sabe o idioma das tatuagens? ela é daqueles tipos q saem por aí aprendendo tudo q eh linguagem, ou isso tem alguma coisa a ver? coincidencia demais.
ela parece ser aquela que manda na parada, mas o ben pelo jeito é mais 'forte' que ela, por ter retirado a pena da Juliet.

e falando da juliet . . .
nossa, eu amo a personagem e a atriz ^^
amei as cenas dela com o jack, os dois tão ficando muito lindos juntinhos ^^
pra mim ele ta conseguindo a química q n conseguiu com a kate . . .
ele 'salvando' ela foi tudo \o/
mas ela ser marcada ? ben malvado >\
e q marca eh aquela ?
algm notou q parece o mapa de todas as escotilhas ?
estranho . . .
aí o jack passa babosa nela, pegando na cinturinha xD

a cena final deu vontade de chorar . . . muito perfeita ^^

emfim, respeito que n gosta de alguns episódios, mas dizer q lost ta caindo é demais.

episódio excelente
e eu to louca pelo próximo.

Marcos disse...

Eu achei um episódio mediano, nem ruim e nem excelente, mas gostei mesmo assim.

Desculpem a ignorância, mas fiquei em dúvida quando Tom diz a jack: "Está vendo essa casa de vidro na qual você está vivendo, Jack? Que tal se eu te conseguir algumas pedras?" Boiei nessa, o que ele quis dizer?

Quanto aos sons do Loszilla, dá pra perceber bem quando Lack tá na jaula, muito estranho mesmo! Será que o viveiro dele é por ali?

E só pra constar, que sinistra essa xerife, hein? Eu já havia achado ela estranha quando a vi em Prison Break, mas agora tá mais cabulosa ainda.

Fabmartins disse...

Aí galera do DUDE, valeu o incentivo no acompanhamento da série. No entanto, depois desse epi DESISTO DEFINITIVAMENTE de lost. A temporada não decola está um verdadeiro MELODRAMA, pior que novela das 20h. Como disse em comentários anteriores PRISON BREAK e 24H estão arrebentando e agora vou me concentrar nesses seriados. Valeu e um forte abraço a todos!!!!

Anônimo disse...

Apesar de não ser emocionante, acho q o episodio traz informações importantes sim. Lost abusa da nossa memória, e é só conversar com alguém q esteja começando a assistir a séria agora para perceber quanto se construiu de conhecimento sobre a história recebendo informações em migalhas. Além de vários pontos colocados aqui, umas outras coisas me chamaram a atenção:

- achei muito forte no episódio a questão de ser "marcado", lembrem que o Jack foi tatuado e a Juliet queimada, e nos dois casos se usa bastante o termo marcado. E agora os dois são "marcados".

- claramente a tatuagem do Jack é bastante importante, não acho q é pura enrolação não. Só que ainda não recebemos a história por inteiro, mas acho q é um recado de algo q devemos prestar atenção.

- tanto a Cindy como a Juliet dão a entender a Jack que as coisas são mais complexas do que uma simples resposta. E o comportamente do Karl nos mostra isso também. O fato de Cindy e as crianças estarem bem e livres nos dá a entender que elas estão realmente bem e não presas como jack, mas sem informações sobre os demais sobreviventes.

- acho q preciso ver de novo o episódio do ursinho pra entender o questionamento.. mas tudo leva a crer q naquele momento estavam todos na mesma ilha, não? crianças, losties, outros e ursinho?

Gustavo disse...

Galera, vamos com calma !! CLARAMENTE da para perceber que a história das tatoos ainda não acabou (Quando o irmao da Achara puxa a camisa, só tem a parte de baixo das tattos), e que o principal ainda está por vir, e não acredito que vc Davi, tenha escrito oq escreveu !!

QUANTO AO COMPORTAMENTO DO SAWYER, COMO PSICÓLOGO, POSSO FICAR HORAS EXPLICANDO TUDO QUE ACONTECE COM A "PERSONALIDADE" DE UMA PESSOA QUANDO ESTA É SUBMETIDA A FATORES DE STRESS ENORMES, COMO ELES PASSARAM NOS ÚLTIMOS EPISÓDIOS.

Zé disse...

"é evidente que não precisavamos a essa altura da série de um flashback onde revelasse a tatuagem de jack"

Vc diz isso pq ja sabia ou porque é uma informação inútil ?

Genevive disse...

Gente, nada de guerra é so um seriado!
Chega a ser engraçado, quase tragicômico pra ser bem sincera.
Tem pessoas que levam tao a serio que nao respeita a opniao do outro...
Amo a série, sou uma viciada nela mas a vida é fora da telinha, por favor!

Sobre o episodio de hoje nao foi de todo ruim, foi muito parado isto é obvio, mas tambem teve seu lado bom!

To é doida pra saber de onde surgiu aquela kombi que vi no teaser do episodio da semana que vem isso sim ;)


Chill out folks!

Fui!

Breno disse...

Eu acho que teve sua importância o episódio e não deixou de ter certa ação, com o Jack tentando salvar a vida da Juliet...
Como ele foi concebido pra dar continuidade à trama, sair da ilha, acho que foi perfeito... de outra maneira ficaria muito carregado... E o Jack disse algo que deixou a muitas pessoas "BOLADONAS"... "É o que elas dizem, mas não é o que significam..."

doc disse...

a tatoo do jack q foi baseada neste episódio, foi a segunda... e nao a primeira q a japinha fez... com certeza terá outro episodio falando desta segunda tatoo q é o titulo do 09.
por isso ele apanhou... ele era o "Stranger in Strange Land"...

Raquel disse...

"É o que elas dizem, mas não é o que significam . . ."

realmente . . . ele taria dizendo que o siginificado daquelas palavras pra ele são mais importantes do que o que elas dizem ?

><

e marcos . . . qnd o Tom diz 'que tal eu te conseguir algumas pedras' é dizendo que ele vai mudar do vidro pra pedra, ou seja, vai sair daquela salinha de vidro e ir para um local diferente, com pedras xD

fabmartins . . . vai pela sombra. uma pessoa que desiste de uma série inteira por causa de um ou dois episódios é pq realmente n gosta dela. pare de assistir msm e vá assistir PB, melhor que vc faz ¬¬

realmente . . . a histórias das tatuagens ainda vai render. ele não poderia terminar elas sozinho xD

Becky disse...

Estou adorando Lost cada vez mais... como não gostar de uma série que leva a discussões como essas?! Isso é muito bom, ver que a percepção de cada um é diferente.

E sobre o episódio, não tenho do que reclamar. Eu adorei!!! Não tinha melhor nome para definí-lo: Stranger in a Strange Land.

Lembro que os FB são feitos para relacionar acontecimentos ocorridos no passado com os da ilha. E por isso, não podemos ver os FB dos personagens separados, sem tentar juntá-los.

Então vou recapitular algumas coisas do Dr Jack e fazer alguns comentários e dúvidas sobre as cenas do episódio. Peço desculpas, se eu acabar transcrevendo o episódio inteiro, mas achei tudo importante.

Não sei se vocês se lembram, mas em um FB, o pai do Jack diz para ele não tomar nenhuma decisão porque ele não tinha o que era necessário para isso. Ou seja, ele não deveria / poderia ser um líder.

Já na ilha, desde do primeiro episódio ele é considerado o líder, e mesmo quando ele não quer, ele é obrigado a agir como um. Por isso, nem sempre pode reagir a pressão da ilha como queria / precisava, guardando para si muito dos seus sentimentos.

De repente se vê obrigado a salvar a vida de um dos seus "inimigos" e mesmo contra sua vontade, encontra nisso uma oportunidade para salvar seus amigos (a mulher que supostamente ama e que viu momentos antes com seu o maior rival). Nessa hora, precisou ser frio o suficiente, para colocar o paciente (que ele prometeu "consertar") em perigo até saber que seus amigos estavam bem. Agindo como líder mais uma vez, porque pensou nos outros antes de pensar em si.

Ben (paciente) prometeu tanto para o Jack quanto para a Juliet que eles poderiam sair da ilha, se ele ficasse bem, mas mesmo depois da cirurgia o Jack foi colocado no aquário. (O que poderia passar na cabeça dele nessa hora?! Que a promessa não seria cumprida, e que provavelmente, seus amigos ainda estavam em perigo).

E logo depois, aparece o Tom, dizendo que ia trocá-lo de lugar, e Jack o relembra o tipo de pessoas que eles são, dizendo o que fizeram com a Claire, o Charlie e as crianças... não sei se perceberam a expressão do Tom (tudo menos de remorso) ao escutar isso. (Percebi com isso, com o FB da Juliet e com o vídeo que o Carl estava assistindo quando foi resgatado pela Alex, Sawyer e Kate que eles estão ali de certa forma forçados, com direito a lavagem cerebral, remédio para memória e tudo).

Quando ele sai do aquário, cruza com a Juliet e percebe que ela está presa também. (Porque, se ela era um deles?). E aí, vê outra mulher que aparentemente tomou o lugar da Juliet (mais tarde vai ser apresentada a ele como a Xerife). (Em princípio, mais uma promessa não cumprida, mesmo ela sendo do grupo, por quê?)

Quando o Jack está na jaula, ele fala para o Tom que sabe que será vigiado pela câmera que momentos antes filmou a Kate e o Sawyer juntos. O Tom sabendo que ele viu, diz mais ou menos o seguinte, que não entende porque ele se arriscou para salvá-los se eles não voltarão para fazer o mesmo. (Isso me lembra outro FB, quando ele era criança e levantou para ajudar o amigo que estava apanhando).

O FB deste capítulo, mostra uma pipa voando, e acho que essa cena contrapondo a cena da cela em que ele estava, foi para mostrar a liberdade que foi roubada dele. E, além disso, ele está na Tailândia, sozinho, longe do seu povo. (E não é assim que ele está nessa pequena ilha?)

Nessa hora, ele conhece a tailandesa Achara e depois é bem recebido pelo seu irmão. Quando ele começa a falar sobre seu pai, ela diz que não quer saber do pai dele, dando a entender que esse assunto não era importante, certo?! (Mas se juntarmos com a parte que ela diz que vê nele um grande líder acaba contradizendo que o pai achava dele).

Juliet traz uma foto, mostrando que a sutura de Ben está infeccionada, e pede para o Jack ajudar novamente. O Jack não entende o motivo, afinal a promessa não foi cumprida e, além disso, ela foi presa. Ele fica sabendo que ela está com problema porque matou alguém. (Como ele não sabe quem, acredito que ele tenha pensado na Kate ou no Sawyer, talvez por isso não tenha aceitado ajudar de primeira).

Achara percebe que o relacionamento dele com o pai, não é dos melhores, e por isso não se mostra interessada pelo assunto tão pessoal. E ela quer saber se o Jack está em sua cidade (Phuket) para se encontrar, descobrir o que é. E ele fica sabendo que ela tem um dom, porém esse ainda não é revelado (se ele está querendo se definir, conheceu a tailandesa certa... será que foi por acaso?)

Isabelle chega, mostrando que sabe chinês, e diz que achou irônico a parte em chinês da tatuagem do Jack. E pergunta se ele sabe o significado da mesma. Dizendo que ao traduzir algumas partes podem ser esquecidas, dando a entender que sabe mais que ele sobre a tatuagem. E ele afirma que sabe o que quer dizer. Nessa hora, ela o chama para um interrogatório (mostrando o porque do apelido Xerife).

Quando chega na sala do interrogatório, eles vêem a Alex saindo e a Isabelle pede para ela ir ver como está o pai (Ben). Acho que aí, é a primeira vez que o Jack vê a Alex (esse encontro será importante mais a frente no episódio).

Antes de começar o interrogatório, mais uma vez, é dito que os outros não moram naquela pequena ilha e que a maioria não gosta de ir para lá. Por quê?!

Isabelle pergunta para o Jack se a Juliet realmente pediu para que ele matasse o Ben, como ele afirmara durante a cirurgia, e apesar de ser verdade, ele nega dizendo que a intenção dele era colocar uns contra os outros, e isso era a única chance de libertar seus amigos. Mas nessa hora a Xerife pergunta porque ele está mentindo. A expressão da Juliet foi de agradecimento, ficou emocionada com a postura do Jack. Já o Tom fica surpreso com a resposta, mas parecia que também sabia que era mentira. (Uma coisa que pergunto, será que isso foi uma armação porque pensavam que o Jack aceitaria fazer a cirurgia, e por prometer “consertar” o Ben, não realizaria o pedido da Juliet? Ou realmente, está tendo uma rebelião entre os outros, com o envolvimento da Isabelle e do Tom?)

Jack fala para Achara que gostaria de saber mais sobre ela, e uma coisa que ela diz me deixou intrigada: “Certas coisas acontecem aqui que você jamais entenderia”. Como o dom dela (mas acho que essa frase quer dizer mais coisa). A cena termina com ela dizendo para ele parar de fazer perguntas e se divertir.

Jack acorda na cela, e vê uma galera olhando para ele, como se ele fosse um animal em exposição no zoológico. Ele pergunta o que foi, tipo porque estão olhando para ele. A Cindy (aeromoça do vôo 815) chega perto da grade, e ele pergunta o que ela ta fazendo ali com os outros. Ele não entende porque ela está solta, se foi levada e capturada do mesmo jeito que ele. E ela diz que não é tão simples (isso quer dizer o mesmo que: “Certas coisas acontecem aqui que você jamais entenderia”). E que está ali para assistir, mas não diz o que... (Mas a frente a Alex, diz que eles estão no julgamento da Juliet).

Jack percebe que eles não sabem o que aconteceu na ilha, porque é questionado sobre a Ana Lúcia e não entende o motivo da tranqüilidade daquele pessoal que foi arrastado e seqüestrado. Ele grita: Isso é sério, se você tem alguma coisa para assistir, vai assistir... (no estilo O que está acontecendo aqui?!). A cara de reprovação do menino (com o urso) com a reação do Jack, mostra a diferença da vida que eles tão levando com os outros e a vida dos sobreviventes na ilha, será mesmo melhor? A que preço? (Isso me lembra do FB da Claire com o Ethan, como ela estava calma do lado dele...).

Alex vai a jaula de Jack, e pergunta porque ele salvou a vida do Ben, mesmo depois de tudo que ele fez. E ele descobre que a Juliet está em julgamento, por ter matado um deles, e que ela seria morta por isso. Nessa hora, ele pergunta quem ela matou e Alex diz que foi o homem que ia matar os amigos dele. Ele percebe que ela fez isso para salvar a Kate e Sawyer, e por isso decide ajudá-la. Pergunta a Alex se o pai dela ainda está no comando e se a Isabelle o obedece, e ela confirma.

Jack vai ao encontro de Ben, e acaba descobrindo que Ethan era o cirurgião (acho que essa informação vai ser útil na série). E explica que a situação do Ben é complicada e delicada, e vai precisar de monitoramento (mostrando assim que Ben vai precisar de cuidados médicos e por isso dele, garantindo a sua sobrevivência, pelo menos por enquanto). E aproveita isso, para fazer um acordo e solicita ao Ben que não deixe o seu povo executar a Juliet (pela expressão do Ben, ele não sabia desse julgamento ou não esperava que o Jack soubesse).

Nessa hora, percebemos que o líder dos outros teve que baixar a guarda para o líder dos sobreviventes, mesmo contra vontade. Teve que quebrar as regras do seu povo para ser salvo pelo doutor (o que me lembra a próxima cena).

Jack segue Achara para saber o que ela faz e a encontra num estúdio de tatuagem, ela diz que é onde ela trabalha e que ele não devia estar ali. Em princípio, ele não entende porque de tanto segredo e mistério. Ela explica que não é uma simples tatuadora e que ela consegue ver quem as pessoas são (esse seria seu dom). E que o trabalho dela não é degradação, é definição (taí algo a se pensar). Meio não acreditando (lembram do episódio Man of Scienfe, Man of Faith), Jack pede para Achara dizer quem ele é, e ela diz que não pode porque ele é estrangeiro. E ele a força dizer o que ela vê, e sua resposta: “Você é um líder, um grande homem, mas isso o torna solitário, descontente e irritado”. Acho que ele concordou com que ouviu, e por isso pediu para que ela colocasse isso nele. Ela marcaria (definiria) Jack, quebrando os costumes e regras do seu povo. Mas deixa claro que isso terá conseqüências. (Seria uma mera coincidência a Isabelle entender a tatuagem?!)

Jack e Alex correm até a sala do julgamento, para entregar o bilhete com a ordem do Ben para Isabelle, onde a execução de Juliet é descartada, mas ordena que ela seja marcada. (Importante frisar que isso acontece logo após o FB da tatuagem (marcação) do Jack. Duas pessoas marcadas, algum motivo tem). Pela expressão no rosto da Alex e do Tom, ser marcada não é uma das melhores coisas (o que significa para esse povo a marcação? É apenas uma punição?).

Jack apanha do irmão e dos amigos da Achara, porque eles descobrem que ele foi tatuado por ela. (Ele tinha sido bem recebido por eles, confiaram nele e ele os desapontou quando foi marcado por ela – Aqui cabe a mesma pergunta, o que significa para esse povo a marcação? Por que os estrangeiros não podem ser marcados? Isso teria a ver com a frase: “Certas coisas acontecem aqui que você jamais entenderia”? Quando Achara diz para ele que isso conseqüências, ela chamava atenção apenas uma surra?).

Juliet volta a levar a comida para o Jack, ele pede para ver a marca que fizeram nela. Uma queimadura e tanto. Parece um * de oito pontas, sendo a de cima maior do que as outras. Ele sente a dor dela, se sente culpado e fica abalado com o que vê. Se sente na obrigação de fazer alguma coisa para amenizar aquilo. Pede para ela pegar um ramo da babosa (acho que serve para anestesiar ou para ajudar na cicatrização). Ela pergunta porque ele a ajudou, e ele responde: porque o "Ben te disse que ia te deixar ir para casa, ele me disse a mesma coisa, só quis ter certeza de que ele manterá a palavra". E ela pergunta: "Como faremos isso?" E a resposta: "Juntos". Ela fica emocionada com essa resposta (A ligação dos dois está mais forte e o que parecia armação dos outros, começa a significar algo). E ela decide abrir o jogo, dizendo que eles vão deixar a ilha e voltar para onde vivem (onde o Ben chama de casa), pois os amigos do Jack sabem onde eles estão.

Caminhando em direção aos barcos, Isabelle fala para o Jack que suas tatuagens dizem “Ele caminha entre nós, mas não é um de nós”, e ele confirma que isso é o que elas dizem, mas não o que significam. (Isso ainda tem muita água para rolar).

Ele e Juliet estão no barco voltando a ilha e de alguma forma demonstram uma certa esperança no olhar (o que eu não via há muito tempo no Jack).


------

Mudando para o personagem Sawyer, não percebi no episódio nenhuma mudança drástica no comportamento dele. Afinal, todas as vezes que a Kate disse que queria voltar para salvar o Jack ele não concordou, e ainda fez questão de dizer que o Jack estava por conta própria. Sendo assim, acho que voltou a ser mesquinho e egoísta, mostrando novamente que não se arriscaria para salvar ninguém, só ele mesmo.

Um pouco depois quando eles já tão em terra firme, Carl diz que a pequena ilha serve para trabalhar em projetos e que eles (os outros) não moram nela, dando a entender que moram na mesma ilha do acidente e vivem em casas com quintais. E afirma que as pessoas e crianças que foram seqüestradas terão uma vida melhor. Como provavelmente, ele não conhece outra vida senão aquela, ele diz que a vida dessas pessoas serão melhores do que as dos sobreviventes. (Isso é ou não é lavagem cerebral?! Seria esse um dos projetos dos outros?!)

Ao decidir falar com o Carl, ele fala que nem todas as garotas valem a pena, e que quando aparece a certa, vale a pena morrer por ela. Acho que esse conselho foi dado para ele mesmo, afinal, ele ainda não sabe como a relação dele e da Kate vai ficar (e pelo visto, nada bem). Ele fala para o menino ir atrás da Alex, mas não porque acha que ele tem que ir atrás da mulher que ama, mas porque ele é um alvo e pode atrapalhar sua volta ao acampamento. (Mas uma vez pensando apenas nele).

Sawyer e Kate trocam palavras ríspidas, dando a entender que o romance entre eles ficou para trás, na pequena ilha. Depois caminham em silêncio em direção ao acampamento.


------

Outras dúvidas:

- A Alex é filha da Russeau? Se for, ela tem 16 anos, certo? E foi criada pelo Ben desde que foi seqüestrada, por isso o chama de pai?! E por que ele é contra o seu namoro com o Carl, a ponto de querer matá-lo?

- Por que a pequena ilha parece ser um zoológico abandonado? Isso explicaria a existência dos ursos polares na outra ilha, será que vieram daí? Será que o Lostzilla foi criado aí, e é conseqüência do tal acidente comentado no filme da escotilha?

- Será que sem o Ethan, os outros planejam envolver o Jack nos projetos do Dharma?

- Se a doença do Ben foi causada pelo acidente mencionado no vídeo do DHARMA, será que o Jack não está cotado para ser o novo líder dos outros? Será que é por isso que existe a tal rebelião?

- Ainda não consegui entender, porque o Carl menciona no bote uma frase que se não me engano estava no filme que ele assistia quando foi resgatado: “Deus ama vocês como ele amou Jacó”.

Caramba, me empolguei!!!

Bhell disse...

Podem falar o que quiserem, mas ninguém vai deixr de assistir Lost... Afinal, já dediquei mais de 2 anos a isso E EU VOU SABER O Q ACONTECE NESSA PORCARIA DE ILHA!!! ;D

Muito bom os comentários do Dude, muito bom os contra daqui: e Lost é assim mesmo - alguns preferem Sawyer outros Jack, aguns preferem melodrama outros mistérios - o lance final é que a série tenta agradar gregos e troianos!

Não gostou desse? Não se preocupe - o próximo vc vai amar!

;D

Bjuussss

Coala disse...

como sempre um bom capitulo de LOST. ruim mesmo e totalmente desnecessario foi esses comentários estupidos do tipo "nao gosto do que estao fazendo".

Raquel disse...

apoiado(a) bhell ;]

um dia desses eu tava tendo um dos meus ataques de garota louca viciada em Lost e me perguntaram:

'mas afinal, depois desse tempo todinho, você já descobriu ql é a parada daquela ilha?'

e eu:

'não xD'

mim ainda qr entender essa série e vou até o final

\o//

Becky disse...

Só por curiosidade...

Hoje me lembrei, que essa viagem a Phuket, foi comentada pelo Sawyer quando ele e o Jack estavam jogando cartas, num dos últimos episódios da 2ª temporada.

* Mais uma suposição: O tubarão que atacou o Sawyer, provavelmente, foi criado no aquário onde o Jack ficou. Segundo a Juliet, lá eram criados tubarões e golfinhos. Será que esses últimos ainda vão aparecer na série?

Sds,
Beka.

leandro capella disse...

O problema é que a maioria das pessoas não têm opinião formada e agem como caixa de ressonância. 90% das críticas quanto ao episódio do Jack não acrescentam nada ao que já foi dito pelo Dude e pela revista Veja essa semana. Sendo assim, as pessoas deveriam refletir mais sobre as coisas antes de somente enviar um comentário com palavras alheias só para "dar uma de entendido".

Anônimo disse...

Bela Achara, fica por sua conta, a mulher é maior cramulha!!!