06/10/2006

Os Outros. São simples como a gente

Por Craig Berman
Para o MSNBC
Tradução por Davi Garcia


Essa foi a primeira revelação da premiere de Lost. Os desconhecidos inimigos de Jack, Sawyer, Kate e companhia na verdade tem vidas diárias normais, com clubes do livro e problemas no encanamento, como qualquer pessoa. A única diferença é que em um certo dia quando um avião cai do céu, a reação deles não é “oh não, que coisa terrível”, mas sim “ah ótimo, podem existir sobreviventes que podemos usar em nossos experimentos psicológicos”.

Como até os que não acompanham a série com tanto afinco sabem, aqueles sobreviventes foram localizados e estudados ao longo das duas primeiras temporadas. A segunda terminou com Jack (Matthew Fox), Kate (Evangeline Lilly) e Sawyer (Josh Holloway) sendo capturados pelo misterioso Henry Gale (Michael Emerson). E essa temporada começa nesse exato ponto, com os três sob a mercê do que os Outros tem reservado para eles.

Embora Henry Gale – cujo nome verdadeiro é aparentemente Ben – tenha oferecido um bom café da manhã a Kate, não parece que os três possam se sentir de férias. Essa parte da ilha parece mais com a baía de Guantanamo, com estudantes de psicologia tentando executar experimentos em cobaias humanas.

Muita informação?
Um fato é claro: Os Outros tem bastante informação sobre seus vizinhos da ilha.

Parte disso pode ser explicado por dados obtidos clandestinamente. No flashback de abertura, Henry Gale ordena que Ethan e Goodwin devem se dirigir aos locais das quedas e se misturarem com os sobreviventes. Ambos acabaram morrendo antes que pudessem mandar bastante informação para os habitantes daquela vila, mas os Outros demosntraram que sabem exatamente com quem estão mexendo.

Isso fica evidente no tratamento dado a Sawyer. O mais rebelde dos três prisioneiros, foi imediatamente colocado em uma jaula feita para ursos. Depois de levar choque e voltar para a jaula após uma rápida tentativa de fuga, ele sente uma leve satisfação quando descobre o segredo da caixa de Skinner e ganha a recompensa – água, grãos e um biscoito de peixe.

Kate teve um pouco mais de sorte. Ganhou banho e um vestido novo antes do café da manhã à beira mar com Henry/Ben, que só não foi perfeito por causa da insistência dele para que ela usasse algemas e por um aviso.

“Eu fiz tudo isso,” Henry/Ben disse, “para que você tenha algo a que se segurar. Porque as duas próximas semanas serão bem desagradáveis”. Por enquanto, esses momentos desagradáveis consistem em ficar presa em uma jaula de urso bem em frente a de Sawyer, para que os dois possam trocar olhares apaixonados quando não estiverem mordiscando biscoitos de peixe.

Jogando o pai na bebida
Saber o melhor jeito de tratar Sawyer e Kate é uma informação que poderia ser obtida por observações, ou qualquer monitoramente secreto de como aquele grupo reagiu à ilha. Mas claramente a ilha não é tão distante do resto do mundo como antes se pensara, porque os Outros também tem meios de conseguir informação do mundo exterior.

Isso ficou evidente durante o diálogo de Jack com Juliet (Elizabeth Mitchell), um novo rosto dentre os Outros que gosta de analisar psicologicamente novos visitante quando não está queimando muffins ou debatendo com membros do clube que não mostram tanta afeição a livros de Stephen King. O flashback da semana foi de Jack, e nele vimos suas tentantivas desesperadas para descobrir o nome do homem por quem sua esposa Sarah o estava deixando.

As cenas pareciam sair de um filme onde um ex-marido louco não deixa a protagonista em paz e coisas ruins acabam acontecendo. Talvez Jack tenha assistido muitos desses filmes em casa, porque sua suspeita voltou-se até para o próprio pai imaginando que ele e sua esposa estivessem se encontrando em hotéis.

É claro que quando ele segue seu pai, acaba encontrando-o em uma reunião de Alcóolicos Anônimos. Mas ainda assim não foi capaz de esquecer o que o atormentava e seguir a vida, chegando a atacá-lo, indo parar em uma delegacia e por consequência jogando o pai de volta à bebida.

Tudo arquivado Dr. Jack
Isso é algo que Juliet não deveria saber... mas que ela provavelmente sabe. Enquanto Jack estava em sua sala de reclusão, ela mostrou um grande dossiê com tudo relacionado à vida dele – incluindo o relatório de autópsia de seu pai. E indica ter ainda informações sobre a esposa dele.

Como alguém em um lugar remoto consegue esse tipo de informação? As conexões de internet chegam àquele local tão afastado?

Entretanto ela chega, e é convincente o bastante já que vemos no flashback uma cena em que sua esposa paga sua fiança e lhe diz adeus. Quando Jack faz uma última tentativa de descobrir o nome do novo homem na vida de Sarah, ela lhe diz emocionada “ Não importa quem ele é, o que importa é o que você não é”.

Essa informação Juliet presumivelmente tem. Mas quando ela pergunta o que ele gostaria de saber sobre sua ex, tudo o que ele consegue finalmente perguntar e se ela estava bem.

Mais cedo durante a conversa/interrogátorio deles, Juliet diz a Jack que na ilha, “Não importa quem você foi, importa quem você é”. Quem são os Outros, e o que eles fazem ali, parece ser a questão central da trama na 3ª temporada.

Baseado na premiere, eles são estranhamente normais mas guiados pelo mistério. E o que os guia e por que estão na ilha, é por enquanto mais um mistério de Lost.

23 comentários:

Danielle disse...

Juro que pensei que o Jack fosse perguntar novamente o nome do amante de sua esposa...... Perdeu a chance de saber.....

julia disse...

não achei jack tão "anormal" assim em seu ciúme... e os outros tão "normais" assim...

Expedito Paz disse...

Acho que àquela altura, Jack não se importa, ou parece não se importar mais com quem é o cidadão. Intrigante é a Juliet e o resto dos Outros terem toda aquela gama de informação...

Anônimo disse...

acabei de ver o episódio e o q mais me "marcou" foi a interpretação de fox... o cara realmente mandou muito bem!

Anônimo disse...

Pra mim o maior mistério é saber quem são "outros".
De pensar que por ser mais uma temporada em que não seja explicado que são eles, é triste. E também que dá suporte a essa gente. Como em uma ilha vc têm dossiê completo sobre uma pessoa?

Danilo disse...

e se ela só jogou um VERDE??

Pati disse...

Galera, achei a reportagem muito interessante, levanta alguns pontos legais pra pensarmos a respeito, mas também concordo com JULIA quando diz que Jack não foi tão anormal assim, só estava um tanto descontrolado por causa do ciúme e de estar acostumado a ter tudo sobre controle. Também não acho que OS OUTROS sejam tão normais. Eles podem até ter boa intenção ao possivelmente estarem tentando salvar o mundo de alguma coisa terrível, mas por outro lado, manipulam vidas alheias e passam por cima de qualquer um só pra garantir que suas experiências sejam feitas! Espero sinceramente que agora com o Jack estando próximo a eles, não permita que façam isso por muito tempo!
E quanto a JULIET não consigo ter simpatia por ela! Pra mim, esta história dela se envolver com o Jack é plano pra se dar bem de alguma forma! Podem crer! Do contrário, os telespectadores ficarão a favor de Jack e Juliet e o triângulo amoroso: Sawyer X Kate X Jack ficará em 2º plano.

Anônimo disse...

Acabei de ver o primeiro episódio. Fantástico, amei. Muito interessante a exploração do lado emocional das personagens, principalmente do Jack, todo fragilizado. Acho que a Juliet tem uma bronca muito grande com o Henry e isso a aproxima do Jack.

Anônimo disse...

Os Outros são mostrados em um paradoxo. Vivem uma vida pacata em uma vila de casas amarelas e belos jardins, no entanto, usam armas de grosso calibre.

Anônimo disse...

depois de rever o episódio fiquei na dúvida do que realmente aconteceu com a kate. da 1a vez achei que ela tinha tomado o café e nada mais (pq é isso o que dá a entender já que nada mais acontece). mas ao ver da 2a vez, notei não só os machucados fortes na mão dela - que indicam algum tipo de reação. a fome dela, ao comer o biscoito de animal que o sawyer jogou pra ela (ou seja, ela provavelmente nao comeu nada do café). e a cara de choro dela.

e bem, não é do tipo/perfil da kate ficar chorosa por conta de qualquer coisinha.

o que será que o senhor ben/henry gale fez com ela?????

Karina disse...

Ei, o jack não estava mais se importando em saber quem era o atual da ex dele... viram quando ele a viu em frente à Delegacia e sentiu um alivio por não ser o pai dele??

Lu Mendes disse...

Não sei se estou enganada mas não vimos nenhuma criança na vila dos outros. Será que elas foram vítimas do crescimento acelerado como o Walt?

Silvinho disse...

Alguém notou os pulsos da Kate quando ela foi colocada na jaula? Somente colocar algemas para tomar café não criariam marcas como aquelas...
E o modo como ela estava (parecia com medo) dá a entender que fizeram algo com ela (que ela não disse evidentemente..).

Outra coisa estranha, é não haver qualquer tipo de antena na ilha.
A imagem do "vilarejo" foi clara o bastante para ver que não há antenas (sejam parabólicas ou torres), que indicariam uma forma de contato com o exterior (quem garante que os cabos que o Sayd encontrou eram pra isso?).
Normalmente locais distantes se comunicam através de satélites.

E tudo indica que eles tem um contato com o mundo exterior, porque de que outra forma poderiam ter um dossiê sobre toda a vida do Jack (com os mínimos detalhes)?

Anônimo disse...

Pessoal, e as cenas em que o Jack salva a criança no playground. Não eram para o primeiro episódio?

Matheus disse...

Pois é, também notei a falta da cena em q Jack salva a criança...

Tb notei os machucados nos pulsos da Kate e sua fome... com certeza o café da manhã ñ foi muito amigável! Huahauahsausa

Pati disse...

Galera, acho que essas cenas do Jack foram gravadas junto às outras que foram ao ar no 1º episódio só pra nos confundir.A imprensa ficou toda em cima pra saber das novidades antes da estréia. Provavelmente, essas cenas entrarão durante outro flasback do Jack durante a temporada.
Estranho a Kate estar tão machucada! Pode ser que pra frente eles contem também em flasback o que ocorreu com ela antes, no intervalo de tempo entre ela tomar o café (será que ela tomou?) e quando foi pra perto do Sawyer.
ENQUETE, PESSOAL:
QUAL A HÍPÓTESE DE VOCÊS PARA O FATO DO JACK FICAR COM OS OUTROS E NÃO VOLTAR PARA O ACAMPAMENTO COM SAWYER E KATE? SERÁ QUE ELE VAI ABRIR O JOGO E DIZER A ELES QUE VOLTEM SOZINHOS, PORQUE ESTÃO PRECISANDO DA SUA AJUDA, NUMA MISSÃO MAIOR, OU VAI INVENTAR UMA MENTIRA A PEDIDO (OU MESMO ORDEM) DOS OUTROS PRA DESPISTAR A KATE? O O QUE VOCÊS ACHAM?
Vai ter que ser bem explicado, porque não acredito que a Kate vai sair de lá sem ele. E também não acredito q Said, Locke, Mr. Eko e cia. irão aceitar qualquer desculpa!
O QUE ACHAM??????????????

Anônimo disse...

Também tô confuso, Pati! Tõ achando q vão ameaçaar o Jack pra ele ficar e deixar a Kate ir livre. Pode ser, né. Será que ele vai falar q é um dos OUTROS?

Quais as teorias da galera do blog???

Anônimo disse...

Entao galera....
a questao é o seguinte....
eles tem tantas informaçoes porque akele lugar é um lugar de pesquisas simmmm...


luz internet essas coisas tudo tem lah....


poxa tem até represa ..aquario que seje.....

tem que ser um projeto de pesquisa...e essas informaçoes ai puderam ser adquiridas pelos pesquisadores atraves
das familhas ( familhas essas desesperadas em obter informaçoes sobre seus entes que desapareceram num acidente aéreo como muitos que acontencem pelo mundo(henrique1701@hotmail.com)

Anônimo disse...

"SEJE"? ESSA DOEU MEUS "ZÓIO"

Anônimo disse...

Concordo com os outros anônimos... Alguma coisa já aconteceu com a Kate! Os punhos machucados daquele jeito, ela toda chorosa com cara de bunda... Os punhos mostram sinais de luta... e o fato dela esconder do Sawyer e o modo como se referiu ao vestido dizendo que eles a obrigaram a usá-lo... Não sei não, mas acho que já começaram os experimentos com ela... e penso q deve ser algo relacionado a sexo e/ou procriação... Será que vão fazer uma inseminação artificial nela?? (risos) Será q usarão o Sawyer para isso tb!? será?? será?? só especulação... (risos) uma coisa é certa, aquela cara de bunda e o comportamento derrotado dela não são características da Kate... algo aconteceu...

eu fico me perguntando pq eles escolheram o Jack, o Sawyer e a Kate? Pelo triângulo amoroso? Pelo passado conturbado deles??

ah e outra coisa, com certeza os outros tem contato com o mundo externo. Suas roupas não são velhas e eles já tem até CD e CD player... coisa q não existia há 20 anos atrás... fora as informações... é loucurinha minha ou nem o Jack tinha a cópia da autopsia do pai e por isso não poderia embarcar com o corpo?? como os outros a possuem?

questões e mais questões...

Dani Garcia

julia disse...

nada a ver... quer situação mais desesperadora q aquela, e o q kate e cia têm passado desde a queda do avião, e o papo com o sinistro do "henry", não é pra ela tá com aquela cara...? e os machucados no pulso, algema machuca mesmo q eu sei... heheh... e acho q foi pra dar uma forçadinha na cena com sawyer. vcs "analisam" demais...

Anônimo disse...

A parte das algemas pode até ser que não esteja ligado a algo que aconteceu com a Kate e não foi mostrado, mas e fome dela? (o café da manhã parecia ótimo). Deslocando o assunto: achei muito bom o flashback do Jack mostrando-o como uma pessoa descontrolada pelo ciúme. Na minha opinião isso o "humanizou", tirando-o do patamar de super-homem das selvas (e a atuação do Fox foi fantástica).
PS: se precisavam do Sawyer para alguma coisa, pq o Zeek atirou nele na balsa?

Anônimo disse...

Gente alguém descobriu o que é repo-man???