23/09/2006

Six Degrees: um novo hit de J.J. Abrams à vista?

O destino controla nossas vidas, ou tudo ocorre ao acaso? É essa a principal pergunta que a nova série produzida por J.J. Abrams faz. Quando li pela primeira vez sobre o novo projeto de uma das mentes por trás de Lost acerca de 6 meses atrás, confesso que fui rapidamente fisgado pelo conceito. Uma nova série explorando a teoria dos 6 Graus de Separação que defende a tese de que no mundo, são necessárias no máximo seis laços de amizade para que duas pessoas quaisquer estejam ligadas.
Se em Lost, há traços mais que evidentes que ajudam a corroborar essa teoria, em Six Degrees, que estreou nos EUA no último dia 20 de Setembro contudo, não há, como afirmaram os atores em entrevista à Tv.com, elementos sobrenaturais e mistérios como os da famosa ilha, mas sim a atraente promessa de que uma igualmente misteriosa e intrigante rede se forma, ligando e mudando as vidas de 6 pessoas inicialmente desconhecidas em Nova York, transformando-se no elemento principal a ser explorado.
Contando com boa parte da equipe que produz Lost, entre eles Bryan Burke, Six Degrees traz ainda o já marcante trabalho do compositor musical Michael Giacchino, velho parceiro de Abrams em Alias e Lost, belas composições de Jacob Dylan filho de Bob Dylan e líder do grupo Wallflowers, além de uma equipe de roteiristas que a julgar pelo episódio piloto, tem tudo para manter nossa atenção e interesse nas alturas. No elenco alguns nomes conhecidos como os das atrizes Hope Davis (do recente filme A Prova), Erika Christensen (a filha de Michael Douglas em Traffic) e Jay Hernandes (O Albergue).
Se a série vai emplacar ou não ainda é difícil saber, mas é impossível negar que ela nos faz pensar sobre as pessoas que nos cercam. Bridget Moynahan, também do elenco da série levanta a bola: "Quando você está no metrô, começa a pensar, 'Quem são essas pessoas?' O que estão pensando? Se nos conhecêssemos como elas afetariam a minha vida?"
Se você curte um drama bem escrito ou pelo menos acha interessante a tal teoria dos Seis Graus de Separação, fica aí a dica: Six Degrees vale uma conferida.
Por Davi Garcia

11 comentários:

Lu disse...

certo, ai o criador fica só na 1ª temporada e depois vai fazer outros trabalhos, deixando p/ outros escritores( que graças, são ótimos).

Rafaelzt disse...

Boa tentativa, mas 9 em cada 10 críticos não gostaram da parada: http://www.aintitcool.com/node/30141

carol_skater disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

putz, sou fascinada por esse tipo de assunto, se o J.J. conseguir nessa série achar a receita de tanto sucesso como ele tah conseguindo em LOST, aposto muita ficha nessa série! pq o tema tem tudo pra dar coisa boa! :D

BRENO disse...

eu sinceramente não gosto de nada q o j.j.abrams faz.lost foi a unica eceção e vale a pena resaltar q o j.j.abrams e um cara muito sem compromisso e o verdadeiro criador de lost se chama DAMOM LINDOLF com a ajuda de CARTON CUSE.E ESSE SERIADO NOVO DO JJ PARACE SER MUITO SEM GRAÇA.

Joana disse...

eu particularmente adoro esse assunto e acho que o J.J. Abrams vai conseguir fazer um ótimo trabalho como em suas outras séries!

Anônimo disse...

Aonde e quando passa aqui no Brasil?

davi garcia disse...

Anônimo, como eu disse no post a série acabou de estrear nos EUA e ainda não há notícias sobre exibição no Brasil, mas se você não faz parte da turma que baixa fique tranquilo pois certamente algum canal a cabo a exibirá em breve ;-)
Abraço.

Anônimo disse...

Dude, vc sabe onde consigo legenda para o primeiro episódio? Abraço. Humberto

reifison disse...

Eu tmb gostaria de saber onde encontrar a legenda. pois baixei o episodio e nada de poderr ver por hora.. valeu.
E parabens pelo site.

davi garcia disse...

Pessoal, eu vi sem legendas mesmo, mas assim que aparecer uma posto o link aqui.